quinta-feira, 28 de junho de 2012

O Fado negro lusitano




Até dominámos o touro, mas as bolas portuguesas que vão ao ferro, não entram, às vezes contrariando as leis da física, enquanto as dos espanhóis rebolavam miraculosamente para dentro. É o fado português, mas, perante as circunstâncias dos dois países envolvidos na contenda, este é o menor de todos os males, no caso português e a menor de todas as alegrias no caso dos "nuestros hermanos".